in

O que acontece se eu rodar com pneus carecas?

Se você não é piloto de automobilismo, não deve dirigir um carro com pneus carecas em hipótese alguma. Além de correr o risco de estourar, o pneu desgastado causa derrapagens, leva a atolamentos e prejudica a calibragem e o balanceamento do carro.

Pneus carecas têm menos aderência, o que aumenta o tempo de frenagem. Na prática, o carro precisará percorrer uma distância maior até parar totalmente. Em dias de chuva, a situação é ainda pior. A aderência do pneu desgastado ficará mais comprometida ao passar por uma poça d’água. Aí a aquaplanagem é quase certa. Um perigo para quem derrapa e para todos à sua volta.

De acordo com o Código Brasileiro de Trânsito, os pneus devem ter sulcos com pelo menos 1,6 milímetro de profundidade. Se o número for menor, a multa já pode ser aplicada, baseada no artigo 230 do código, que prevê infração de trânsito para quem “conduzir o veículo em mau estado de conservação, comprometendo a segurança”. Ah, e isso vale para o estepe também! Nos dois casos, a multa é considerada grave e você vai ter que desembolsar 195,23 reais.

Advertisement

Se o desgaste dos pneus for considerado realmente perigoso na visão do guarda de trânsito, você ainda pode ter o seu carro retido. Ou seja, o veículo ficará impedido de circular por aí enquanto você não substituir os pneus por modelos novos.

Dica: nunca compre um pneu usado! Mesmo que ele pareça estar em bom estado, o desgaste ao longo do tempo altera a composição e diminui a aderência da borracha ao solo, o que pode provocar perda de controle do carro.

Além disso, você não tem como saber como o pneu foi usado pelo antigo dono. Se ele dirigia em alta velocidade, isso pode ter acarretado problemas internos no pneu, coisa que você não perceberá na hora da compra.

Advertisement

Written by adminacesso@wp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tudo o que você precisa saber sobre ressaca

Inovações tecnológicas que podem se tornar um perigo