in

Gafes que jornalistas já cometeram

Assim como em qualquer profissão, os jornalistas passam por momentos constrangedores, principalmente na televisão.

Quem não se lembra do ataque de riso de Lilian Witte Fibe ao dar uma notícia inusitada? Na época, uma senhora de 81 anos em uma cadeira de rodas foi presa por posse de entorpecentes. Ao ser questionado, seu namorado, 25 anos mais novo, disse acreditar que os comprimidos eram remédios para impotência sexual. Qualquer um iria gargalhar lendo o teleprompter.

Além de espirrar ao vivo, Boris Casoy pagou mico ao esquecer de chamar uma reportagem. Para disfarçar o ocorrido, o veterano jornalista fingiu estar sem o retorno do áudio, mas a desculpa não colou e todos perceberam a gafe.

Ana Paula Padrão trocou a Globo pela Record em meados de 2012. Porém, após anos na emissora da família Marinho, a moça se confundiu com o nome da atração. Durante uma transmissão ao vivo, a jornalista trocou ‘Jornal da Record’ por ‘Jornal da Globo’.

Sandra Annemberg virou meme por causa de uma reação espontânea que teve no Jornal Hoje. Durante um link ao vivo, a repórter Monalisa Perrone foi empurrada por alguns homens, no que Sandra, de dentro do estúdio não se conteve e soltou um sonoro: ‘Que deselegante!’. A exclamação é bastante utilizada até hoje.

Advertisement

No início de 2019 foi a vez de Carlos Tramontina pagar mico. Ao voltar do intervalo comercial, o jornalista se distraiu ao informar o horário e soltou: “São seis e ônibus”. Na verdade, ele quis dizer “seis e onze”, mas acabou misturando sua fala com a notícia que viria em sequência, sobre os ônibus da cidade de São Paulo.

Ao falar de gafes, não tem como não se lembrar de William Waack. O jornalista precisou chamar a repórter Zelda Mello para entrar ao vivo, mas acabou se atrapalhando e trocou o sobrenome da colega pela palavra ‘merda’. Coitada.

Advertisement

Written by adminacesso@wp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os animais e as plantas mais resistentes do mundo

Atitudes que ajudam na concentração e no foco